Programação III
(cod.1458)

Departamento de Informática
Universidade da Beira Interior

Ano lectivo 2003/2004

Table of Contents

1  Novidades



2  Docentes

Simão Melo de Sousa (regente) - Gabinete 4.3.

3  Objectivos

A presente disciplina visa fortalecer a prática da programação (neste caso C) num contexto de desenvolvimento de software real.

Como tal visaremos concretamente a aquisição de competências (i.e. perceber, dominar, explicar e utilizar os conceitos e ferramentas subjacentes) seguintes:

4  Programa

O programa resume-se à lista estabelecida na secção 3.

5  Funcionamento e Avaliação

A resolução de cada item da lista apresentada na secção 3 contempla a realização dum relatório e de uma apresentação/demo. O objectivo de tais trabalhos é demonstrar à equipe docente a aquisição de competências no tema proposto. O terno (relatório,apresentação,demo) deve ser pensado, organizado e realizado nesta perspectiva.

A resolução do último item implica igualmente a escrita (e entregue) do programa requerido (ver a secção 8). A utilização comprovada das ferramentas descritas nos seis primeiros itens será tomado em conta na avaliação do último ponto. A avaliação da concretização desses objectivos resultará numa nota (em 20 valores).

Cada item do programa geral será resolvido individualmente e sequencialmente, tendo como prazo uma semana para cada um deles, com início na segunda semana de aulas (o primeiro relatório terá de ser entregue na aula teórica da terceira semana de aula). Cada relatório será entregue no inicio da aula teórica.

A excepção a esta calendarização é o último item (o programa C, ver secção 8) cuja resolução poderá ser realizada em grupos de duas pessoas e ocupará o resto do semestre lectivo. Em termos de prazos, esta resolução terá a sua própria calendarização para as sub-tarefas que lhes estão associada (consultar a descrição do projecto). O programa e o seu respectivo relatório serão entregues na penúltima aula teórica da disciplina.

Para mais pormenores, consultar a secção 9.

6  Critérios de Avaliação

Tratando-se duma disciplina cuja componente prática é essencial, a avaliação basear-se-á essencialmente sobre o trabalho realizado.
  1. Assim o acesso ao exame é condicionado pela nota da componente prática (maior do que 10 valores em 20)

  2. Nota final = melhor nota entre a nota da componente prática e a nota da prova escrita (exame).

7  Material Pedagógico

Apontamentos e acetatos apresentados nas aulas.

8  Descrição do projecto em C


Produção da listagem no formato html duma base de dados discográficos CDDB/FreeDB local

CDDB (ou, preferencialmente, a sua versão livre, FreeDB) é uma base de dados de CD acessível via Internet. Os mais populares sistemas de leitura de CD por computador utilizam-na para recolher automaticamente toda a informação associada ao CD lido (estilo musical, autor, nome do álbum, numero e nome das faixas, etc...).

No entanto a utilização de tal base de dados implica uma conecção activa à Internet. Tal nem sempre acontece. Por isso, e em geral, os sistemas de leitura gravam localmente os resultados das queries efectuadas. Daí resulta uma base de dados local que é utilizada como cache e, logo, e explorada antes de qualquer acesso distante. Porque esta base de dados arquiva todos os álbuns ouvidos numa determinada máquina, uma utilização interessante desta última é a elaboração duma discografia do utilizador da máquina.

Assim o objectivo do presente trabalho é gerir, e em particular permitir uma exportação para o formato html, do conjunto de todos os álbuns arquivados na base de dados CDDB local.

São agora listadas as tarefas associadas a resolução do problema proposto:
Tarefa 1:
base de dados CDDB/FreeDB e formato de ficheiro CDDB/FreeDB

Tarefa 2:
ferramentas da família cddb2html, cddb2discography

Tarefa 3:
especificação funcional, estrutural e lógica detalhada do sistema por implementar

Tarefa 4:
implementação e validação do sistema

Tarefa 5:
elaboração do relatório e da documentação

9  Calendarização e Entrega dos trabalhos

Esta deve ser feita à equipa docente nas datas seguintes: Cada grupo defenderá o seu trabalho. A defesa dos trabalhos terá lugar no dia 21 de Junho 2004 das 9h00 as 12h00.

10  Horário

Tipo de aula Horário Sala
Teórica Quinta-Feira das 9h00 às 11h00 4.18
Teórica-Prática Terça-Feira das 10h00 às 11h00 6.13
Prática Terça-Feira das 11h00 às 13h00 6.13

11  Atendimento

Horário
Segunda-Feira das 16h00 às 18h00
Quarta-Feira das 10h00 às 12h00

12  Alunos inscritos


Número Nome
3139 ANABELA FRAGAS CRUZ
8474 LIDIA MARIA MADEIRA AFONSO
10642 ANA SOFIA GONÇALVES DA SILVA
10843 CLÁUDIA SOFIA GOUVEIA ARAÚJO
11058 DAVID MONSANTO BERNARDO
11732 RICARDO MIGUEL ALBUQUERQUE LOPES
11817 DANIEL MALACA CARDOSO
11819 TÂNIA CARVALHO MENDES DA COSTA
11922 PEDRO MIGUEL PINTO ROSA
11942 HERCULANO MANUEL CARDOSO OLIVEIRA
12060 CLÁUDIA SOFIA BORGES PINHO
12387 SUSANA ALEXANDRA GONÇALVES RODRIGUES
12712 ANA SOFIA TRINDADE DA SILVA NUNES
12740 FREDERICO PAIS PINHEIRO
12757 TELMA LÚCIA RODRIGUES PAIS
12877 VERA INÊS GONÇALVES DOS SANTOS
12971 TIAGO FILIPE CARVALHO COSTA
13039 MARISA DE JESUS NUNES DA SILVA
13123 ANABELA CABRAL PINTO
13366 SÓNIA CARLA DIAS ALVES
13376 PAULA CRISTINA SOARES INÊS

13  Grupos


Grupo 1
12060 CLÁUDIA SOFIA BORGES PINHO
8474 LIDIA MARIA MADEIRA AFONSO
Grupo 2
12757 TELMA LÚCIA RODRIGUES PAIS
12877 VERA INÊS GONÇALVES DOS SANTOS
Grupo 3
11922 PEDRO MIGUEL PINTO ROSA
11942 HERCULANO MANUEL CARDOSO OLIVEIRA
Grupo 4
10843 CLÁUDIA SOFIA GOUVEIA ARAÚJO
13039 MARISA DE JESUS NUNES DA SILVA
Grupo 5
12712 ANA SOFIA TRINDADE DA SILVA NUNES
11732 RICARDO MIGUEL ALBUQUERQUE LOPES
Grupo 6
12387 SUSANA ALEXANDRA GONÇALVES RODRIGUES
13366 SÓNIA CARLA DIAS ALVES
10642 ANA SOFIA GONÇALVES DA SILVA
Grupo 7
3139 ANABELA FRAGAS CRUZ
11819 TÂNIA CARVALHO MENDES DA COSTA
13123 ANABELA CABRAL PINTO

References

[1]
Debra Cameronand, Bill Rosenblatt, and Eric S. Raymond. Learning GNU Emacs. O'Reilly, 1996.

[2]
Karl Fogeland and Moshe Bar. Open Source Development with CVS. Paraglyph Press, 2003.

[3]
Andy Oram and Mike Loukides. Programming with GNU Software, Tools from Cygnus Support. O'Reilly, 1995.

[4]
Andy Oram and Steve Talbott. Managing Projects with make. O'Reilly, 1991.

[5]
Steve Oualline. Practical C Programming. O'Reilly, 1997.

[6]
Jennifer Vesperman. Essential CVS. O'Reilly, 2003.
Enviar comentários e dúvidas para (retire os UUU) : desousaUUU@UUUdi.ubi.pt


This document was translated from LATEX by HEVEA.